Luis Ferreira Alves

“Real Vinícola” em Matosinhos nomeado para edifício do ano

0 Partilhas
0
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 5 anos, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

Luis Ferreira Alves

A Real Vinícola da autoria do arquiteto da Câmara Municipal de Matosinhos, Guilherme Machado Vaz, é candidato a Edifício do Ano 2018 na ArchDaily na categoria de Arquitetura Cultural.

Edificada entre 1897 e 1901, a Real Vinícola foi a primeira unidade industrial de Matosinhos-Sul e era composta por armazéns, tanoaria com mecanismos a vapor e ligação privativa ao Porto de Leixões através de veículos em carris, puxados por animais. Valências imprescindíveis para a área de ação desta empresa ligada à exportação de vinhos da “Real Vinícola” da “Méneres e & Cia”.

No ano 2000, após ter sido adquirido pela Câmara de Matosinhos, o edifício foi classificado como monumento de interesse público e alvo de um intenso programa de reabilitação. Um investimento total que ultrapassa os oito milhões de euros.

Desde o dia 18 de novembro de 2017, o complexo remodelado passou a acolher a sede da Casa da Arquitectura-Centro Português de Arquitectura, o primeiro espaço expositivo português inteiramente dedicado ao estudo, divulgação e valorização da arquitetura e, no interior do quarteirão irá ficará instalada a Orquestra Jazz de Matosinhos, um restaurante e um conjunto de estabelecimentos comerciais relacionados com a vocação industrial do imóvel.

Votar no “Real Vinícola” edifício do ano 2018

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

0 Partilhas
Há mais para ler...