Rádio Barcelos/Direitos Reservados

Barcelos: Mulher que se lançou com o filho ao rio Cávado com pena reduzida

0 Partilhas
0
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 4 anos, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

Rádio Barcelos/Direitos Reservados

A mulher que se lançou ao rio Cávado com o filho ao colo, no passado mês de junho de 2016, viu a sua pena ser reduzida de dez para sete anos de prisão efetiva. A informação foi confirmada pela Procuradoria-Geral Distrital do Porto numa nota publicada esta segunda-feira no seu site. 

A decisão foi tomada  no passado dia 18 de setembro pelo Supremo Tribunal de Justiça que “concedeu parcial provimento ao recurso interposto por uma arguida, atenuando especialmente a pena de prisão que lhe fora imposta pela prática do crime de homicídio”, pode ler-se. Apesar da pena ser reduzida, mantém-se o “internamento em estabelecimento destinado a inimputáveis pelo tempo correspondente à pena e enquanto o regime dos estabelecimentos prisionais comuns se mostrasse prejudicial à condenada face à anomalia psíquica de que padece”. 

Recorde-se que a mulher atirou-se da Ponte de Sta.Eugénia, que liga a cidade à freguesia de Rio Covo Sta.Eugénia, levando o filho ao colo. A mulher foi resgatada com vida por populares. O corpo do filho foi regatado do rio no dia seguinte já sem vida. 

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

0 Partilhas
Há mais para ler...