Município de Viana do Castelo

Viana do Castelo: autarquia proibe queimadas até 30 de setembro

0 Partilhas
0
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 3 anos, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

Município de Viana do Castelo

O município de Viana do Castelo informou que as queimas e queimadas estão proibidas no período crítico de incêndios.

Durante este período, que vigora de 01 de julho a 30 de setembro, e apesar dos municípios terem a possibilidade de autorizar ou não a queima de sobrantes, a autarquia minhota optou por não o fazer. “Tal situação, mesmo de exceção, não se afigura como o mais indicado pela mensagem que pode passar, nomeadamente da possibilidade de, com autorização, ser possível queimar no período do ano mais crítico no que se refere aos incêndios florestais”, refere a Câmara Municipal de Viana do Castelo em comunicado.

Recorde-se que o Município investiu, ao longo dos últimos anos, em faixas de gestão de combustível para prevenção de incêndios, totalizando 1,5 milhões de euros.

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

0 Partilhas
Há mais para ler...