Município de Ribeira de Pena

Presença de trabalhadores transfronteiriços preocupa autarca de Ribeira de Pena

0 Partilhas
0
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 3 anos, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

Município de Ribeira de Pena

A Comissão Distrital de Proteção Civil (CDPC) de Vila Real reuniu ontem, 27 de março, por videoconferência, com vista a preparar uma resposta concertada entre as várias entidades capaz de enfrentar a situação pandémica provocada pelo vírus COVID19.

O Presidente da Câmara Municipal de Ribeira de Pena, João Noronha, manifestou, uma vez mais, a sua preocupação com a presença no concelho de trabalhadores transfronteiriços oriundos de zonas severamente afetadas por COVID19, alertando para a importância da suspensão imediata dos trabalhos, a fim de evitar o surgimento de um foco de contágio que venha afetar todo o território.

O autarca informou ainda os demais membros da CDPC que, no dia 25 de março, foi enviado ao Governo um pedido de declaração da situação de calamidade no concelho e a suspensão das obras nas barragens do Tâmega, estando ainda a aguardar resposta a este alerta.

Além da importância da implementação de medidas de isolamento profilático para quem se desloca para a região, nesta reunião, foi ainda referida a necessidade de reforçar a quantidade de equipamentos de proteção individua disponíveis, nomeadamente para os profissionais de saúde, de socorro, de segurança e que prestam cuidados em lares de idosos.

Em cima da mesa esteve ainda a discussão das medidas de contingência que devem ser tomadas para minimizar o impacto desta pandemia nos lares de idosos do distrito, entre as quais, a constituição e preparação de linhas de profissionais de reserva.

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

0 Partilhas
Há mais para ler...