Viana do Castelo: autarquia assina protocolo para requalificação da sede do CHAM

0 Partilhas
0
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 2 anos, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

O município de Viana do Castelo assinou esta segunda-feira um protocolo com o Centro Humanitário do Alto Minho da Cruz Vermelha Portuguesa (CHAM-CVP) para apoiar a requalificação da sede desta instituição.

No dia em que se assinalou o 110.º aniversário, o CHAM assina, assim, um protocolo com vista a receber 75 mil euros para as obras de requalificação do “centenário edifício”, localizado na avenida dos Combatentes da Grande Guerra. “Pela sua antiguidade, utilização diária e massiva, o edifício sede do Centro Humanitário do Alto Minho da Cruz Vermelha apresenta sinais de desgaste, principalmente no telhado e nas fachadas”, pode ler-se na proposta, citada pela autarquia em comunicado. Além dos serviços administrativos e de direção, o edifício alberga também gabinetes médicos, posto de enfermagem, gabinetes de ação social, salão nobre e, ainda, um espaço solidário.

O CHAM-CVP presta assistência humanitária e social aos mais desfavorecidos em Viana do Castelo.

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

0 Partilhas
Há mais para ler...