Diocese do Funchal

Funchal: Morreu o Cónego António Damasceno

0 Partilhas
0
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 1 ano, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

Diocese do Funchal

O Cónego António Damasceno de Sousa morreu este sábado aos 99 anos, refere a agência Ecclesia, que cita a diocese do Funchal. O antigo pároco da Sé morreu “em sua casa como era da sua vontade”.

Nascido em 1922, o Cónego António Damasceno foi ordenado padre em 1945, tendo celebrado “Missa Nova” na freguesia de São Pedro, onde também viveu. Foi também reitor do Seminário S. Pio X, em Moçambique e em 1963 é nomeado cónego de Lourenço Marques. Em 1967, regressa à Madeira e é nomeado cónego da Sé, acumulando funções com a de pároco.

O funeral acontece será na segunda-feira, 05 de julho, sendo que o corpo estará em câmara ardente a partir do meio-dia. A missa acontece às 13h e será celebrada pelo bispo do Funchal, D. Nuno Martins. O cónego será, depois, sepultado no cemitério de São Martinho.

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

0 Partilhas
Há mais para ler...