Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro

Vila Real: Estudantes da UTAD com acesso mais fácil a consultas

0 Partilhas
0
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 1 ano, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro

A Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD) e o Agrupamento de Centros de Saúde Douro I – Marão e Douro Norte (ACES Douro I) assinaram esta terça-feira um protocolo de cooperação para a área de saúde e bem-estar que cria condições para que estudantes, docentes, funcionários e investigadores, tenham acesso a serviços de saúde do agrupamento. 

O protocolo prevê que a comunidade académica tenha acesso a cinquenta consultas mensais em todas as áreas de especialidade, permitindo o acesso à consulta de cessação tabágica. A instituição transmontana acrescenta em comunicado que a atividade das equipas do ACES Douro I será desenvolvida “atividades nas instalações da UTAD, em articulação com a Pró-Reitoria para a Saúde e Bem-Estar”. 

Sobre o protocolo, Conceição Rainho, pró-reitora para a Saúde e Bem-estar, refere que “a criação de contextos promotores de saúde, a prevenção de comportamentos de risco e a importância de proporcionar à comunidade da UTAD o acesso a serviços de saúde contribuem para o desenvolvimento da estratégia para a saúde e bem-estar” da instituição. 

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

0 Partilhas
Há mais para ler...