Casa de Mateus
Casa de Mateus

Fundação da Casa de Mateus arranca com projeto Escola das Transições

1 Partilhas
1
0
0
Este artigo foi publicado há, pelo menos, 7 meses, pelo que o seu conteúdo pode estar desatualizado

A Casa de Mateus recebe, no dia 13 de maio, Maristella Svampa, socióloga, investigadora e professora na Universidad Nacional de La Plata, na Argentina e o arquiteto e fundador do Ecological Interaction Applied Research Group, Jonathan Minchin, para uma conversa livre à volta das múltiplas transições que enfrentamos: lógica, ecológica, filosófica, digital, cultural.

Este evento servirá para marcar o arranque do projeto Escola das Transições, que a Fundação da Casa de Mateus deseja empreender a partir de 2022: “uma conversa sobre as possibilidades de futuro que o presente contém, tomando os múltiplos passados como matéria de aprendizagem e inspiração” explica, em comunicado, a Casa de Mateus.

Para lá da reflexão de natureza ambiental, económica, política e social que o pensamento sobre as transições implica, “interessa-nos pôr mãos à obra”. 

De acordo com o comunicado será um trabalho para: descobrir formas de investigar e conhecer a biodiversidade, condição essencial para poder defendê-la; partilhar tecnologias avançadas, que recorrem à robótica e a tecnologias digitais de fonte aberta, ao alcance de projetos de pequena escala; contribuir para inventar formas de produção e consumo mais próximas e sustentáveis, através de projetos no âmbito da agroecologia ou da disseminação de pequenos laboratórios de fabricação para a resolução descentralizada de problemas das comunidades.

Encontrou um erro ou um lapso no artigo? Diga-nos: selecione o erro e faça Ctrl+Enter.

1 Partilhas
Há mais para ler...